.

Acessibilidade

Aumentar Fonte
.
Diminuir Fonte
.
Fonte Normal
.
Alto Contraste
.
Libras
.
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Mapa do Site
.
Acesso à informação
.

Das 9h às 12h, e das 13h às 16h, de segunda à sexta-feira. E-mail: contato@camarafartura.sp.gov.br

Idioma

Português

English

Español

Francese

Deutsch

Italiano

Esportes e Recreação - Quarta-feira, 16 de Março de 2016

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Funcionários da Prefeitura de Fartura sinalizam paralisação, caso o Prefeito não conceda a reposição

Funcionários da Prefeitura de Fartura sinalizam paralisação, caso o Prefeito não conceda a reposição


Funcionários da Prefeitura de Fartura sinalizam paralisação, caso o Prefeito não conceda a reposição

Dezenas de funcionários da Prefeitura Municipal de Fartura participaram na noite da última sexta-feira (11) na segunda Assembleia Geral Extraordinária dos Servidores Públicos Municipais, ocorrida no prédio da Câmara. A reunião foi idealizada pela presidente do Sindicato, Néia Fabro. Segundo Fabro, objetivo da Assembleia foi atender os procedimentos legais para reivindicar a reposição inflacionária aos cerca de 600 servidores. A reposição é um benefício legal aos servidores, de acordo com a Constituição Federal no artigo 37, inciso X, por exemplo, afirma que todo servidor tem o direito de ter a reposição, ou revisão geral anual. O Sindicato defende a reposição de 10,67%. Na sessão de quarta-feira, 16 os vereadores novamente pediram vista no Projeto do Executivo encaminhado à Câmara que concede apenas 3%. Néia Fabro garantiu que se não haver consenso por parte do Prefeito, os funcionários poderão aderir à greve com o total apoio da Federação dos Sindicatos dos Servidores Públicos do Estado de São Paulo, a partir da próxima semana. “Queremos agradecer o apoio que recebemos da Câmara na realização desta Assembleia e afirmar que não queremos o aumento de 3% como prevê o projeto enviado pelo Prefeito Tinho Bortotti ao Legislativo”, diz. Os servidores defendem o índice oficial do IBGE e o IPC-A registrado no ano de 2.015 de 10,67%. “Até poderíamos aceitar que seja pago de forma parcelada, porém ele tinha que deixar estipulado no Projeto de Lei, as formas de pagamento desta reposição aos funcionários”, menciona Néia Fabro. Algumas prefeituras de região já concederam a reposição inflacionária aos servidores, confira: Prefeitura de Sarutaiá - 11,07% Prefeitura de Óleo - 11,07% Prefeitura de Bernardino de Campos - 10,67% Prefeitura de Timburi – 10 % COMUNIC

262 Visualizações

Notícias relacionadas

Voltar para a listagem de notícias

.
.

Calendário de eventos

.
.

Acompanhe-nos

.
.

Câmara Municipal de Fartura - SP.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.